segunda-feira, 3 de maio de 2010

Blogagem Coletiva - Cor Laranja - Carência de Vitamina C - Meu bicho de manchas alaranjadas quase me mata do coração!

O escorbuto infantil é uma doença causada pela absorção inadequada de vitamina C (ácido ascórbico), geralmente devida à ingestão de fórmulas de leite de vaca, que têm uma carência desta vitamina e que requerem complementos.

Esta doença afeta normalmente as crianças entre os 6 e os 12 meses de idade. Os sintomas precoces incluem irritabilidade, falta de apetite e impossibilidade de aumentar o peso. A criança pode gritar ao mover-se e pode não mover as pernas devido à dor que a hemorragia provoca sob a fina camada de tecido que reveste os ossos. Em crianças maiores, a hemorragia pode ocorrer sob a pele e, além disso, podem sangrar facilmente as gengivas à volta dos dentes que estão a romper.

O escorbuto pode provocar anomalias ósseas nas costelas e nos ossos longos das pernas, porque a vitamina C é necessária à formação do tecido conjuntivo (tecido que mantém unidas as estruturas do corpo). Nas costelas, as ligações entre a cartilagem e o osso dilatam-se, formando uma fileira de nódulos chamada rosário do escorbuto. Pode também provocar uma cura deficiente das feridas.

Uma dieta adequada em vitamina C pode prevenir o escorbuto. Os citrinos e os sumos de frutas constituem excelentes fontes desta vitamina. As crianças alimentadas com papa devem receber 35 mg de vitamina C por dia (equivalente a 65 g de sumo de laranja ou de limão). As mães que amamentam devem tomar 100 mg de vitamina C por dia por via oral. Para o tratamento do escorbuto, a criança deve ingerir diariamente entre 100 mg e 200 mg de vitamina C por via oral durante uma semana e 50 mg diários posteriormente.

Fonte: Manual Merck
------------------------------------------------------------------------------------------------

A 15 dias, desde a Taquarinha foi doada, Nika, uma das minhas quatro gatas, veio emagrecendo, até que parou de comer, ficou prostada, e passou a ficar o dia todo dormindo em baixo das cobertas.

Nika
havia adotado o filhote, e possivelemente entrou em um tipo de depressão quando ficou sem sua filhinha.


Mas ela chegou no extremo de precisar de um veterinário sabe que dia? Dia 1 de maio, feriado. Ai que maravilha! Cadê a minha veterinária? Óbvio que não consegui achar. Fui a cata de outro. Nada. Qualquer um? Nadinha! Liguei para umas 8 clínicas no mínimo mas nada de plantão no feriado. Que absurdo! Eu já estava ficando desesperada pensando que ela podia não passar daquela noite, porque no sábado ela ficou realmente muito mal e ia acabar morrendo de inanição e podia em pouco tempo começar a ter falência dos órgãos.


Resolvi pedir um help e liguei para minha cunhada que fez um tempo de faculdade de veterinária e tem uma boa noção para tentar juntar com a minha leve noção médica e expliquei o caso. Ela me passou uma lista de remédios. Fomos na tentativa e erro. Algo precisava ser feito, e rápido.


Como não sou louca nem nada, li a bula de todos remédios antes de fazer qualquer coisa. Sorte que nenhum deles havia efeitos colaterais nem contra-indicações fatais. Apliquei a injeção e dei a primeira dose do pequeno coquetel.


Não demorou dez minutos e Nika estava se esvaindo em vômito.


Liguei novamente pra minha cunhada mais apavorada que a primeira vez e perguntei se dava pra eu dar Plasil para ela (remédio para alívio de vômito e diarréia). Dei o Plasil.

E foi aí que como uma Fênix o animal renasceu das cinzas. Em questão de algumas horas ela voltou a caminhar e resolveu tomar água. Que alívio!


Hoje - domingo - ela já está bemmmm melhorzinha, já comeu e até voltou a ronrronar. Os remédios estão dando resultados positivos.


Mas segunda igual ela já tem consulta marcada com a veterinária para garantir.


Esta é a Nika, meu bichinho com machinhas alaranjadas que quase me matou do coração neste fim de semana :)







7 diagnósticos:

Vanessa disse...

Tadinha...ela tinha adotado a filhinha....da uma do e imagino a sua agonia por ve-la mal!

O meu Kim nao esta nada bem...esta com problema no rim....esta fraco, magro e chora toda vez que vai tomar injecao....minha mae esta agoniada!

Rezo para que Deus o ajude a superar tudo isso e se for da vontade DELE que seja feito o melhor!

Bjs

Glorinha L de Lion disse...

Ai tadinha da gatinha...dá um bichinho de pelúcia pra ela....pra ela adotar pensando que é o filho adotivo que se foi...e tem gente que ainda pensa que bicho não sofre....beijos.

Eduardo Prates disse...

oooohh a nika é uma das mais gatas hehehehe ainda bem q tu conseguiu fazer algo chelle lol

Lu Souza Brito disse...

Linda mesmo a sua gata! Mas sobre esta doença causada pela falta de vitamina C ou absorção inadequada (que coisa hein menina)! Acho que muita gente passa por isso e sequer sabe o que é de fato.
Ainda bem que sou viciada em laranja e limão desde criança e em casa sempre teve pés de laranja, pocan, acerola, então, vitamina C nunca faltou.

Marliborges disse...

O escorbuto, já matou muita gente no passado, até descopbrirem a causa. Eu não sabia que atacava as crianças também.

Que pecado, pobrezinha, mas ainda bem que ela está melhorando. Será que foi deprê? Ela pode mesmo ter sentido falta da taquarinha. Falando nisso, sabe notícias?

Muito bom o post com a temática alaranjada.
Bjs

orvalho do ceu disse...

Olá,
Ela se parece com a nossa... Linda!
Abraços alaranjados pra vc

Tida disse...

Ainda bem que sua gatinha se recuperou logo.
Linda com suas manchas alaranjadas.
Interssante como despertamos para detalhes do cotidiano e vemos as cores que precisamos bem ali na nossa frente.
Boa Lembrança.
bjs